Quantidade de Páginas visitadas

Equipe Administrativa 

 

Cristiane da Graça de Almeida Torres     -     Secretária Geral

Agatha Kiem Scarin Bianco Vieira
Laboratório de Ciências/Informática e Mecanografia
Dermeval Plusek Secretaria
Fátima de Souza Klas Guimarães Secretaria
Liliana Sinhoca
Secretaria
Sandor Motinha Fomin Biblioteca - Tarde
Sônia Beatris de Souza Biblioteca - Manhã
Vilma Martins Vitor Biblioteca - Noite
   



De acordo com o Regimento Interno Título II, Capítulo II

Seção VII

Da Equipe Técnico-Administrativa e dos Assistentes de Execução



Art.36 - A Equipe Técnico-Administrativa é o setor que serve de suporte ao funcionamento de todos os setores do Estabelecimento de Ensino, proporcionando condições para que os mesmos cumpram suas reais funções e é composta por profissionais que atuam na secretaria, biblioteca e laboratório de Informática.


Art.37 - A secretaria é o setor que tem a seu encargo todo o serviço de escrituração escolar e correspondência do Estabelecimento de Ensino.


Art.38 - Os serviços da secretaria são coordenados e supervisionados pela Direção, ficando a ela subordinados.


Art.39 - O cargo de secretário é exercido por profissional devidamente qualificado para o exercício dessa função, indicado pelo Diretor do Estabelecimento de Ensino, de acordo com as normas da Secretaria de Estado da Educação, em ato específico.


Art.40 - Compete a(o) Secretária(o) Escolar:


I - cumprir e fazer cumprir as determinações dos seus superiores hierárquicos;

II - distribuir as tarefas decorrentes dos encargos da secretaria aos seus auxiliares;

III - redigir a correspondência que lhe for confiada;

IV - organizar e manter em dia a coletânea de leis, regulamentos, diretrizes, ordens de serviço, circulares, resoluções e demais documentos;

V - rever todo o expediente a ser submetido a despacho do Diretor;

VI - elaborar relatórios e processos a serem encaminhados a autoridades competentes;

VII - participar e redigir as atas do Conselho de Classe;

VIII - apresentar ao Diretor, em tempo hábil, todos os documentos que devam ser assinados;

IX - organizar e manter em dia o protocolo, o arquivo escolar e o registro de assentamentos dos alunos, de forma a permitir, em qualquer época, a verificação:

a) da identidade e da regularidade da vida escolar do aluno;

b) da autenticidade dos documentos escolares.

X - coordenar e supervisionar as atividades administrativas referentes à matrícula, transferência, adaptação e conclusão de curso;

XI - zelar pelo uso adequado e conservação dos bens materiais distribuídos à secretaria.

XII - comunicar à Direção toda irregularidade que venha a ocorrer na secretaria.


Art.41 - A escala de trabalho dos funcionários será estabelecida de forma que o expediente da secretaria conte sempre com a presença de um responsável, independentemente da duração do ano letivo, em todos os turnos de funcionamento do Estabelecimento de Ensino.

Art.42 - A biblioteca constitui-se em espaço pedagógico, cujo acervo estará à disposição de toda a comunidade escolar.


Art.43 - A biblioteca estará a cargo de profissional habilitado ou na sua falta de profissional qualificado, indicado pela direção do estabelecimento de ensino, de acordo com a legislação em vigor.


Art.44 - A biblioteca possui regulamento próprio, disponível à consulta de toda a comunidade escolar, sendo divulgado aos pais durante as reuniões com a Direção do Estabelecimento de Ensino.


Art.45 - O laboratório de Informática é um espaço pedagógico para uso dos professores e alunos com regulamento próprio, constituindo-se em uma alternativa metodológica diferenciada.


Art.46 - O laboratório de Informática é de responsabilidade de integrante do quadro técnico-administrativo, indicado pela direção, com domínio básico da ferramenta.


Art.47 - O laboratório de Física, Química e Biologia constitui-se em um espaço pedagógico para uso dos professores e alunos com regulamento próprio, e tem por finalidade auxiliar a compreensão de conteúdos trabalhados nas disciplinas do Ensino Fundamental e Médio.


Art.48 - O laboratório de Física, Química e Biologia estará a cargo do assistente de execução.

 

Sendo deveres e direitos, de acordo com o Regimento Interno, Título IV

 


CAPÍTULO II

DOS DIREITOS, DEVERES E PROIBIÇÕES DA EQUIPE TÉCNICO-ADMINISTRATIVA, ASSISTENTES DE EXECUÇÃO E AUXILIAR OPERACIONAL




Seção I

Dos Direitos



Art.152 - A Equipe Técnico-Administrativa, Assistentes de Execução e Equipe Auxiliar Operacional, além dos direitos que lhes são assegurados em lei, tem ainda garantidos os direitos de:


I - ser respeitado na condição de profissional atuante na área da Educação e no desempenho de suas funções específicas;

II - participar da elaboração e implementação do Projeto Político Pedagógico do Estabelecimento de Ensino;

III - requisitar o material necessário ao desenvolvimento de suas atividades, dentro das possibilidades da escola;

IV - participar de associações e/ou agremiações afins;

 

V - sugerir aos demais setores do Estabelecimento ações que viabilizem o aperfeiçoamento da sua atuação no âmbito escolar.

VI - tomar conhecimento do disposto no Regimento Escolar e Regulamento(s) Interno(s) da escola.

Seção II

Dos Deveres



Art.153 - São deveres específicos do integrante da Equipe Técnico- Administrativa:


I - efetivar todas as matrículas da escola;

II - receber, no prazo estabelecido neste Regimento, o pedido de revisão dos resultados de avaliação dos alunos;

III - fornecer documentos de transferência a pedido do aluno, quando maior de idade, ou do pai ou responsável, quando menor;

IV - comunicar à Equipe Pedagógica e Direção, os casos de:

a) maus- tratos envolvendo alunos;

b) reiteradas faltas injustificadas e evasão escolar;

c) elevados índices de repetência de alunos.

V - garantir o repasse da documentação e informações aos setores competentes, no seu âmbito de atuação.


Art.154 – São deveres específicos dos Assistentes de Execução:


I - cumprir e fazer cumprir o Regulamento de uso do laboratório de Química, Física e Biologia;

II - preparar e disponibilizar materiais de consumo e equipamentos do laboratório, observando normas básicas de segurança;

III - assistir aos professores e alunos durante as aulas práticas;

IV - zelar pela manutenção e limpeza dos equipamentos do laboratório, bem como pela preservação dos materiais de consumo;

V - manter atualizado o inventário de instrumentos, ferramentas, equipamentos e materiais de consumo do laboratório;

VI - comunicar imediatamente à Direção qualquer irregularidade, incidente e/ou acidente ocorrido no laboratório;

VII - participar de eventos, cursos e reuniões, visando o seu aprimoramento profissional;

VIII - exercer demais atribuições específicas de sua função.

















Validador

CSS válido!

Secretaria de Estado da Educação do Paraná
Av. Água Verde, 2140 - Água Verde - CEP 80240-900 Curitiba-PR - Fone: (41) 3340-1500
Desenvolvido pela Celepar - Acesso Restrito